Dicas de Imposto de Renda 2019

É do conhecimento geral que anualmente a partir de março os contribuintes precisam enviar para a Receita Federal sua Declaração de renda do ano anterior. Para que o contribuinte tenha maior tranquilidade e menor riscos de enviar declaração errada, recomenda-se que já comece a separar os documentos e levantamento dos dados a serem declarados.

Diante disto segue algumas dicas:

– Para quem recebe remuneração de pessoa jurídica, peça o informe de rendimentos a empresa;

– Para aqueles que trabalham como autônomos, organize seus recibos de pagamentos e comprovantes de rendas recebidos, bem como guias de carnê leão recolhida;

– Para aqueles que recebem aluguéis, organize os recibos de pagamento e as guias recolhidas no carnê leão;

– Para aqueles que são úber, necessário os documentos que comprovam os rendimentos recebidos, tais como contrato com a úber e informe de rendimento, se houver, ou comprovantes de pagamento realizados pela úber;

– No caso dos empregadores domésticos, separar os documentos relativos aos pagamentos do empregado e do décimo terceiro salário;

– Caso possua aplicações financeiras, dinheiro em conta corrente e poupança, solicite o informe de rendimento ao banco ou retire pelo site;

– Aqueles que possuem planos de previdência complementar (PGBL, VGBL, FAPI), separe a documentação relativa ao plano, tais como contrato e extratos atualizados. Caso tenha recebido benefício ou tenha realizado saque ou recebido rendimentos, separar a documentação relativa e os extratos atualizados;

–  Separe os documentos relativos aos bens móveis e imóveis;

– Separe a declaração do ano anterior;

– Caso tenha investimentos fora do Brasil, tais como aplicações financeiras, conta corrente, bens e direitos, separe a documentação pertinente;

– Se possui cotas de participação em empresas, separar os documentos que informa a quantidade de cotas e pagamento de pró-labore;

– Caso tenha recebido indenizações de ações trabalhistas ou dano moral, separe os documentos que comprovam tais recebimentos;

– Para aqueles que possui registro como MEI, é necessário a informação dos rendimentos recebidos, separe a documentação que comprova tais rendimentos;

Estas são algumas dicas para facilitar na hora de fazer a declaração, caso a informação tenha sido útil compartilhe com os amigos e aguarde mais dicas nas próximas publicações!!

By | 2019-01-29T12:49:31+00:00 janeiro 29th, 2019|Publicações|0 Comentários

Deixe um comentário